Um novo conceito de shows e eventos

Nome Completo*
Email*
CPF*
Telefone*
Senha*
Redigite a senha*
Gostaria de receber os eventos diários por e-mail
       * Campos obrigatórios


Cadastrar
Já sou cadastrado, quero logar
E-mail
Enviar Voltar

Como Funciona


Promova seu evento e venda de ingressos com Ingresso Evento

O Ingresso Evento é a mais nova forma de você garantir a venda de ingressos e inscrições para seus eventos, promoções e espetáculos. Uma das nossas vantagens é que fazemos todo o trabalho de inclusão dos dados de seu evento. Você só tem que repassar as informações (nome do evento, público, preço e tipo dos ingressos) e o material de indentificação (banners, logomarcas e imagens) que nós fazemos o resto. Colocamos seu evento no ar e você já pode começar a divulgar e vender.

Para falar conosco sobre seu evento e saber mais detalhes, escreva para contato@ingressoevento.com.br.

Lei da Meia-Entrada

A Lei Federal nº 12933/2013, também conhecida como Lei da Meia-Entrada, garante o benefício do pagamento de Meia-Entrada para estudantes, pessoas com deficiência e jovens, de baixa renda, com idade entre 15 e 29 anos.

Somente farão jus ao benefício alunos da educação básica e educação superior, conforme previsto no Título V da Lei no 9.394, de 20.12.1996. A lei não estende o benefício a cursos livres, tais como seminários, encontros e palestras.

Pessoas com deficiência e quando necessário, seus acompanhantes, têm direito ao benefício. Jovens de 15 a 29 anos, cuja renda familiar mensal seja de até 02 salários mínimos, desde que inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, podem adquirir os ingressos com 50% de desconto.

A concessão do direito ao benefício da Meia-Entrada é assegurada em 40% (quarenta por cento) do total dos ingressos disponíveis para cada evento. Clique para mais informações sobre a Lei da Meia-Entrada e o Decreto que a regulamenta.

Compras dos clientes e pagamentos dos promotores

O Ingresso Evento utiliza os serviços da empresa brasileira PagSeguro que fornece os meios de pagamentos eletrônicos para a compra pelo clientes dos ingressos e entrada de todos os nossos eventos. O cliente pode escolher todas as formas disponíveis no PagSeguro para realizar sua compra - diversas bandeiras de cartões de crédito e emissão de boleto. Todos os dados são criptografados e o Ingresso Evento recebe apenas a confirmação do pagamento sem nunca acessar qualquer informação financeira do cliente.

O pagamento dos promotores dos eventos registrados no Ingresso Evento acontecem na conta informada pelo promotor com prazos que variam de 48 horas até um mês conforme acerto entre as partes e com taxa total (incluindo o serviço financeiro do PagSeguro e as taxa pelo fornecimento do serviço de vendas pelo Ingresso Evento) de 10% sobre o valor total bruto recebido referente ao evento. 

Política de cancelamento de acordo com o prazo dado pelo CDC:

Segundo o Art. 49 do Código de Defesa do Consumidor (CDC), o consumidor pode desistir do contrato, no prazo de 7 dias a contar de sua assinatura ou do ato de recebimento do produto ou serviço, sempre que a contratação de fornecimento de produtos e serviços ocorrer fora do estabelecimento comercial, especialmente por telefone ou a domicílio. A taxa de administração não será devolvida ao cliente, apenas o valor do ingresso.

Política de Cancelamento após o prazo dado pelo CDC:

Em caso de cancelamento do pedido após o prazo estabelecido por lei para arrependimento, para que o cancelamento seja aceito o produto deve estar no mesmo lote e o mesmo deve ser feito com até 3 dias úteis de antecedência do evento; em caso de eventos com abadás o cancelamento deve ser feito com até 3 dias úteis de antecedência da entrega de abadás. Também nessa situação, a taxa de administração não será devolvida ao cliente, apenas o valor do ingresso. Cancelamentos solicitados em prazos inferiores a 48 horas do dia da realização do evento não serão aceitos.

MEDIDA PROVISÓRIA Nº 948, DE 8 DE ABRIL DE 2020

Na hipótese de cancelamento de serviços, de reservas e de eventos, incluídos shows e espetáculos, o prestador de serviços ou a sociedade empresária não serão obrigados a reembolsar os valores pagos pelo consumidor, desde que assegurem:

  • I - a remarcação dos serviços, das reservas e dos eventos cancelados;
  • II - a disponibilização de crédito para uso ou abatimento na compra de outros serviços, reservas e eventos, disponíveis nas respectivas empresas; ou
  • III - outro acordo a ser formalizado com o consumidor
Facebook

Acompanhe

Compartilhe